Marie Camille

História, arte e paixão

Marie Camille nasceu em 1997, mas sua história começou bem antes, tecida nas entrelinhas das experiências e memórias afetivas de uma uma grande família.

O nome da loja nos remete ao século passado, mais precisamente à Cinelândia, Rio de Janeiro. Ali, Madalena, avó de José Haddad e Leila Haddad mantinha uma loja de chapéus e moda feminina de alta costura, com grande sucesso: a Marie Camille. Quando decidiram abrir sua loja de tapetes, Leila e José não tiveram dúvidas de que esse seria o nome perfeito para iniciar uma nova história.

Desde o início, a proposta da Marie Camille tem sido a de se diferenciar pela alta qualidade de seu atendimento e produtos. A loja é ampla, arrojada e acolhedora. Em torno de uma queijeira antiga, tipicamente mineira, os clientes são recebidos com um bom café e uma boa conversa, criando uma atmosfera intimista que é um dos charmes do lugar.

A diversidade de produtos é outro diferencial que enche os olhos. Tapetes tradicionais, contemporâneos, orientais e ocidentais aliam técnicas milenares às tendências contemporâneas, criando um mix de qualidade, design e inovação pronto para atender aos clientes e às exigências dos profissionais da arquitetura e decoração.

São raridades garimpadas mundo afora, resultado da escolha criteriosa das melhores lãs e sedas, tingimentos e

lavagens, artistas e artesãos. Mas, também, peças taylor made, confeccionadas sob medida e produzidas no Brasil, que possibilitam ao cliente escolher o desenho e a textura, a medida e cor, o fio e trama. Tudo de acordo com seu projeto.

Para complementar sua seção de tapetes, a Marie Camille oferece uma linha exclusiva de almofadas de diferentes origens e texturas, sedas artesanais e os já tradicionais puffs de killim – coloridos, práticos, lindos.

Qualidade e variedade, exclusividade e luxo, história e paixão tecem a trama sofisticada e contemporânea da Marie Camille, uma loja que é referência e oferece muito mais que tapetes, possibilidades.